• Fortaleza de Sagres | Foto Vanda Oliveira

    Fortaleza de Sagres | Foto Vanda Oliveira

  • Fortaleza de Sagres

    Fortaleza de Sagres

  • Fortaleza de Sagres | Foto: Vasco Celio

    Fortaleza de Sagres | Foto: Vasco Celio

  • Fortaleza de Sagres

    Fortaleza de Sagres

  • Ruínas Romanas de Milreu | Foto Adriana Nogueira

    Ruínas Romanas de Milreu | Foto Adriana Nogueira

  • Mosaico das Ruínas Romanas de Milreu

    Mosaico das Ruínas Romanas de Milreu

  • Casa Rural de Milreu

    Casa Rural de Milreu

  • Ruínas Romanas de Milreu

    Ruínas Romanas de Milreu

  • Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe - Foto: Vanda Oliveira

    Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe - Foto: Vanda Oliveira

  • Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe

    Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe

  • Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe | Foto Lenea Andrade

    Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe | Foto Lenea Andrade

  • Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe

    Ermida de Nossa Senhora de Guadalupe

Monumentos do Algarve Bons Momentos Promontório de Sagres Património Cultural Imaterial Portal Cultura Portugal

A edição 2021 do DiVaM - Dinamização e Valorização dos Monumentos do Algarve tem como tema “Património, Comunidade e Inclusão” e vai acontecer na Fortaleza de Sagres, Ermida de Nossa Senhora de Guadalpe e Ruínas Romanas de Milreu.

Assumindo que o Património deve ser, acima de tudo, um projeto de cidadania e que não pode estar desfasado das pessoas, pretendeu-se construir uma programação cultural que promova um verdadeiro e honesto diálogo entre as comunidades e os monumentos.

Porque o património só pode ser efetivamente valorizado se tiver uma real significância no quotidiano e na vida das suas comunidades, e por se entender que o “espírito do lugar” pode ser continuamente redescoberto, se existir uma verdadeira inclusão das comunidades no processo de construção patrimonial, colocam-se algumas questões que importa dar resposta:

O que nos dizem as pessoas que aí vivem sobre estes monumentos e a sua História? Partilham dos mesmos discursos? Que outras histórias e memórias terão para contar? Qual a ligação pessoal e emocional das pessoas com estes testemunhos patrimoniais materiais e imateriais? Qual o verdadeiro papel das comunidades patrimoniais no processo de gestão e valorização patrimonial? Quais as narrativas que a partir daí se podem construir, para além do «discurso patrimonial autorizado»?

Reforçando o propósito iniciado em anos anteriores, o DiVaM vai continuar a promover os princípios basilares da «Convenção de Faro», com a participação ativa das comunidades envolventes no processo de desconstrução e construção patrimonial, colocando as pessoas e os valores humanos no cerne da questão.

Programa DiVaM 2021

Regras de Candidatura e Apoio - DiVaM 2021

Formulário de Candidatura - DiVaM 2021